sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Maverick Divisão 3




38 anos atrás, em 1974 os Chevrolets Opala perderam sua hegemonia no Campeonato Brasileiro de Turismo... Começava a era Maverick!

"Os Mavericks da lendária Divisão 3 do Campeonato Brasileiro de Viaturas Turismo fizeram história. A categoria era dominada por Chevrolet Opalas com motor 250-S, mas em 1974 a coisa mudou de figura... Duas equipes, com o mesmo modelo, mas com preparações distintas acabaram com a hegemonia Chevrolet.


De um lado temos o temível numeral 11, enviado à Argentina para ser preparado por Orestes Berta, ele o Maverick-Berta da Equipe Z/Hollywood; do outro lado temos os numerais 21 e 22, que deram o que falar por causa de seu motor, os Maverick-Greco!!!!


O Maverick-Berta era praticamente a linha divisória entre um carro turismo de corridas e um protótipo, contava com carroceria alargada e apêndices aerodinâmicos e suspensão similar a dos F3 da época. Mas sua mudança maior estava dentro do cofre do motor. O Ford V8 302 foi modificado para receber cabeçotes Gurney-Weslake com coletor de admissão integrado com quatro Webber 48, além de comando de válvulas feito pelo próprio Berta. Isso tudo resultou num Maverick de 440 HP aproximadamente bastante arisco.

Os Maverick-Greco eram mais "normais", mas igualmente ferozes, diferente do Maverick-Berta, não possuía apêndices, mas o fato das cornetas de admissão ficarem expostas no capô do carro, já impunha respeito. A motorização era equivalente à do Maverick-Berta, cabeçotes Gurney-Weslake, 4 Webber duplas 48, comando nervoso, etc...mas como o carro era oficial da Ford no campeonato, e tinha muita peça oriunda do GT40, suspeitava-se que a Equipe Greco estaria com o carro fora do regulamento, usando o motor do GT40 no Maverick!!!! Fato nunca provado, mas os Mavericks amarelos de 450 HP era mais dóceis que seu rival."




Fonte: Petrolhead


CDX

2 comentários:

Andre Muniz disse...

Este é o carro!

Andre Muniz disse...

Saudades dos meus Mavericks e da felicidade ao dirigi-los!