terça-feira, 15 de novembro de 2011

Tio CD conta...

Como Frank Zappa era azarado:



O grande músico e compositor Frank Zappa tinha seus altos e baixos. E com certeza em baixa mesmo estava sua turnê de 1971. Foi tenso a parada!
O primeiro lance de azar foi durante uma apresentação em Montreux, na Suíça. O show rolava legal, todo mundo animado, inclusive com os caras do Deep Purple na platéia... Eis que algum manezão, Resolve soltar um rojão, desses de festa junina, com três tiros. Ok, ok! Legal.... se o lugar fosse ABERTO SUA ANTA!
O show era em um espaço fechado, dentro de um teatro. O rojão pipocou no teto e incendiou o lugar! O Ian Gillan deve ter gritado fino nessa altura:
“Caraca mano! Nóis vai morrê!”
Ritchie Blackmore deve ter se cagado: “Fruta merda! Vão queimar minha rosca!”
O teatro todo, junto com os equipamentos da banda, se perdeu. Foda! Nem tudo foi preju, pois o episódio serviu de inspiração para a música mais famosa do Deep Purple: Smoke On The Water (isso porque o teatro ficava a beira do lago Genebra).
Mas Frank Zappa não se abateu: alugou novos equipamentos e continuou sua turnê. E umas apresentações mais tarde nova merda aconteceu. Com seu sexy narigão, Zappa causou uma boa impressão numa mina da platéia. Mas a garota tinha namorado. E o puto era ciumento.
O corno manso conseguiu subir no palco, e , enquanto Frank solava, ele foi empurrado para fora do palco. À frente do palco havia um fosso para orquestra. Zappa caiu e deu mal jeito no pescoço e quebrou uma perna.
Depois dessa onda de azar a turnê foi cancelada e sua banda Frank Zappa and The Mothers of Invention se desintegrou.
CDX

Um comentário:

Erasmus Garp disse...

Curto Frank Zappa pra caceta.. tenho a discografia em mp3.. eu não sabia dessas histórias ae.